Old Posts

February 16, 2018

Segundo, Joy Curry – 04 vezes eleito o maior vendedor do EUA -.

“Eu não tenho Clientes; TENHO AMIGOS. Aqueles que compram comigo, jamais comprarão com outro E ME RECOMENDARAM, para todos os seus amigos.”
Um bom aperto de mão significa 40% da conclusão de uma venda.

A relação Vendedor x Consumidor é uma questão de RELACIONAMENTO, TRANSPARÊNCIA e CONFIANÇA.

Por esta razão muitas vezes ao nos dirigirmos a uma loja para comprar um determinado produto (carro, eletrodoméstico, celular, etc), já vamos com uma idéia formada do que comprar e a que preço pagar, mas por que quando chegamos à loja, mudamos de opinião?

Uma das razões foi à exposição do produto.
Houve por parte do fabricante uma preocupação na localização do mesmo na loja e nos detalhes de como está exposto.
A outra razão é a INFLUÊNCIA do Vendedor que bem treinado e conhecedor do produto pode e influenciam na decisão final do consumidor.
Se o vendedor NÃO for bem treinado e não comprar a idéia, ele NÃO VENDE.

A 3031 CONSULTORIA LTDA., pode lhe ajudar a treinar seus vendedores. Consulte-nos. Você vai se surpreender.

February 1, 2018
Henrique Meirelles

RECUPERAÇÃO DE NOSSA ECONOMIA

A recuperação da economia brasileira em 5 gráficos. Confira!

January 25, 2018

47 - O MANUAL PRÁTICO DE JACK WELCH - 25-01-18

O verdadeiro legado que um líder pode ser avaliado pela qualidade das pessoas que ele deixa para conduzir a empresa após sua partida.
O executivo americano JACK WELCH, EX-CEO da General Eletric é um desses homens.
O jornalista americano Robert Slater, publicou o livro Jack Welch – Guia Prático, onde podemos extrair algumas.

RECOMENDAÇÕES PARA TAMBÉM SERMOS PROFISSIONAIS BEM-SUCEDIDOS.
O artigo refere-se às atitudes, práticas, valores e ideias desenvolvidas por este profissional, que certamente irão contribuir para o crescimento de todos os demais profissionais que atuam como executivos, vendedores, administradores, etc.
O QUE FAZER?
PREOCUPE-SE COM SEU DESEMPENHO ATUAL.
É ótimo pensar sobre o futuro, porém é muito melhor fazer isto quando você está bem no cargo que ocupa no presente.
 Concentre-se nele, tente desempenhar sua função melhor que os outros.
 Realize tudo com persistência e vontade de vencer.
 Procure fazer a diferença em cada tarefa.
 Desenvolva a reputação de uma pessoa que apresenta resultados além dos esperados.
BUSQUE CONHECIMENTO ESPECIALIZADO
É Fundamental obter informações sobre áreas administrativas ou técnicas.
 Desenvolva uma sólida competência funcional.
 Procure oportunidades para usar essas informações específicas em contextos mais amplos, participando sempre de equipes multifuncionais, ou sugerindo iniciativas em diferentes processos da empresa.
 Aprenda finanças; é a linguagem usada pelas empresas.
 Administre sua carreira para que possa evoluir ocupando funções em várias áreas da corporação, em vez de tentar subir aos saltos queimando etapas.
HABITUE-SE AO AUTO DESENVOLVIMENTO
 Desenvolva a autoconfiança e procure demonstrar isso em seu dia-a-dia.
 Quem reclama da própria carreira com outras pessoas, por mais que receba bons conselhos, demonstra insegurança.
 O mesmo vale para pessoas que não manifestam interesse em aperfeiçoar suas habilidades.
 Adquira o hábito de aprimorar-se constantemente, como se fosse um atleta profissional.
 Preocupe-se mais em desenvolver aptidões do que acumular títulos.
SAIA DA ZONA DE CONFORTO
 Em outras palavras, vá à busca de desafios e de visibilidade.
 Aceite tarefas difíceis e assuma responsabilidades consideradas importantes para a empresa.
 Lembre-se de que pessoas capazes de ir além da rotina ampliam suas aptidões e ambições.
PRESTE ATENÇÃO AOS BONS EXEMPLOS
 Procure aqueles modelos e mentores que podem ajudá-lo em sua carreira.
 Amplie sua base de sustentação e busque tarefas ligadas a gerentes e clientes com os quais você nunca se relacionou.
 Trabalhe para gente que lhe traga desafios.
 Certifique-se de que você está cercado de pessoas muito competentes para que possa aprender com elas.
 Demonstre sempre o máximo de energia que puder.
 Dessa forma, você também se transformará em um bom modelo para os colegas.
GLOBALIZE-SE
 Procure estar sempre exposto a diferentes culturas e certifique-se de que o mesmo aconteça com sua família.
 Ocupe posições que exijam interação com outros países e hábitos que você não conhece.
 Considere desempenhar funções no exterior, mesmo que sejam de curta duração.
 Cada vez mais, progride na empresa, quem consegue se mover de uma cultura a outra.
O QUE EVITAR?
IGNORAR OS VALORES DA EMPRESA
 Pessoas que adotam comportamento oposto à cultura e aos valores da empresa, dificilmente têm futuro.
 Isso vale para profissionais que têm o hábito de construir fronteiras, em vez de eliminá-las, ou que acreditam em níveis gerenciais desnecessários.
 Quem não é aberto a críticas não consegue corrigir falhas.
FALTA DE COMUNICAÇÃO
 Líderes devem demonstrar claramente seus objetivos, comunicar os valores da companhia para outras pessoas, inspirá-las e demonstrar energia.
FALAR E NÃO FAZER
 Não adianta apresentar bem as ideias, ser um grande analista e não conseguir colocar nada em prática.
 O resultado é nulo quando boas ideias não são realizadas.
FALTA DE FOCO
 Não seja um daqueles profissionais que não percebem o que é realmente importante, perdem tempo com inutilidades e demonstram pouca capacidade para
processar várias informações em espaços curtos de tempo.
ARROGÂNCIA
 É um problema de quem tem um ego enorme.
 Ser exageradamente crítico em relação aos subordinados e não assumir a responsabilidade pelos próprios erros é o caminho mais eficaz para perder apoio dentro da organização.
ESTAR FORA DO RÍTMO
 Pessoas que se movem mais lentamente que o resto da empresa tem dificuldade em administrar o tempo são pouco persistentes e vão fracassar.
Virgilio Dias é Consultor de Empresas, Empresário e Palestrante.
E: virgilio@3031consult.com.br - W: www.3031consult.com.br

January 23, 2018
10 sinais de que seus colegas de trabalho sentem inveja de você - e como lidar com a situação

10 sinais de que seus colegas de trabalho sentem inveja de você - e como lidar com a situação

January 19, 2018
www.3031consult.com.br

Caro empresário se algumas questões do tipo: Quanto foi seu Lucro? ou Quanto Vendeu? ou Qual o seu percentual de inadimplência? Você responder: Pouco; Bastante; Normal ou simplesmente NÃO SEI, acredite você precisa de ajuda. Não se acanhe em busca-la por que isso depende do crescimento e até da manutenção do seu negócio. A 3031 Consultoria Ltda., pode assessora-lo identificando as oportunidades, treinando sua equipe, para estarem qualificadas na busca das Metas e Objetivos da empresa. Visite nosso site: www.3031consult.com.br e através dele acesse nossa página no face e nosso blog. Consulte-nos você pode se surpreender.

December 19, 2017

A todos os familiares, amigos e clientes, desejamos:

November 22, 2017

46 - OUVIR O CLIENTE – 22-11-17

(Artigo escrito por Ana Cláudia Scorcelli, extraído do Jornal Carreira & Sucesso edição de 30/03/00).
Foto - Internet

O artigo, a seguir tem um lado cômico, mas nos fará refletir na importância de se ouvir o que o outro (cliente, amigo, esposa, filho), tem para nos dizer.

Se conseguirmos exercitar o dom da paciência e ouvir, tenho certeza de que todos nós ganharemos.

Não importa quão “louco” você possa achar que alguns de seus clientes sejam, mas eles podem estar certos leia abaixo a importância de se Ouvir o Cliente.

Este é o relato de uma queixa foi recebida pela Divisão Pontiac da General Motors.

Veja o que aconteceu:

“Esta é a segunda vez que eu escrevo a vocês e não os culpo por não me responderem, porque eu posso parecer louco, mas o fato é que nós temos a tradição em nossa família de ter sorvete como sobremesa toda noite após o jantar”.
Mas o tipo de sorvete varia.
Então toda noite, após termos jantado, toda família vota em um sabor de sorvete e eu me dirijo até a sorveteria para comprá-lo.
Recentemente comprei um novo Pontiac e desde então minhas idas a loja têm sido um problema.
Veja você, toda vez que eu compro sorvete de baunilha, quando eu volto da loja para minha casa, o carro não funciona. Se eu levo qualquer outro tipo de sorvete, o carro funciona bem.
Eu quero que vocês saibam que estou sendo sério em relação a esta questão, não importa quão tola ela pareça:
“O que acontece com o meu Pontiac que o faz parar de funcionar quando eu compro sorvete de baunilha, e funciona toda vez que compro outro sabor?”.

O presidente da Pontiac ficou sem compreender a carta, mas enviou um engenheiro para verificar o assunto.

Este ficou surpreso por ter sido recebido por um homem bem sucedido e educado, de bons relacionamentos.
Ele então combinou de encontrar o homem logo após o jantar.
Os dois entraram no carro e se dirigiram até a loja de sorvetes. Naquela noite foi escolhido o sorvete de baunilha.
O carro não funcionou.
O engenheiro retornou por mais três noites.
Na primeira noite, a família escolheu o sabor chocolate.
O carro funcionou.
Na segunda noite escolheram sabor morango.
O carro funcionou.
Na terceira noite, escolheram sabor baunilha.
O carro não funcionou.
O engenheiro, sendo um homem lógico, recusou-se em acreditar que o carro daquele homem era alérgico a baunilha.

Combinou de continuar as suas visitas até que conseguisse resolver o problema.
Começou a fazer anotações: hora do dia, tipo de combustível usado, hora de dirigir, etc.

Em pouco tempo, ele tinha uma pista: o homem levava menos tempo para comprar o sorvete de baunilha do que qualquer outro sabor.

Por quê?

A resposta estava na disposição da loja.

O sabor baunilha, sendo o sabor mais popular daquela região, estava num balcão separado na frente da loja para ser apanhado rapidamente.

Todos os demais sabores eram mantidos nos fundos da loja, num outro balcão, e demorava-se consideravelmente mais tempo para pegá-los.

Mas permanecia a questão:

Por que o carro não queria funcionar quando se levava menos tempo para religá-lo?

Uma vez identificado o problema - que já se sabia não ser o sorvete de baunilha - o engenheiro veio rapidamente com a resposta: Saída do vapor.

Estava acontecendo toda à noite, mas o tempo extra para pegar os outros sabores deixava o motor esfriar o suficiente para funcionar.

Quando o homem pegava o sorvete de baunilha, o motor ainda estava quente para o vapor ser dissipado.

Moral da história:

Até os problemas que parecem mais banais às vezes são válidos,

Nunca devemos pré-julgar ou dispensar um problema em potencial relatado a nós por um cliente.

O que importa na vida não é tanto o triunfo, mas o combate;
“O essencial não é ter vencido, mas ter lutado bem”.
(Pierre de Coubertin (1863-1937), esportista e educador francês).

Virgilio Dias é Consultor de Empresas, Empresário e Palestrante.
E: virgilio@3031consult.com.br - W: www.3031consult.com.br

November 8, 2017

45 - O DEVEDOR – 08-11-17
A Correspondência abaixo foi enviada por um devedor a um dos vários credores, conforme ele mesmo informa na sua correspondência.
Esta carta é verídica e foi divulgada pelo próprio Clube de Dirigentes Lojistas e publicada numa das edições da Folha de S.Paulo há algum tempo atrás, e sempre atual, principalmente nos dias de hoje.
“Prezados Senhores,
Esta é a oitava carta jurídica de cobrança que recebo de Vossas Senhorias.
Sei que não estou em dia com meus pagamentos.
Acontece que eu estou devendo também em outras empresas e todas elas esperam que eu lhes pague.
Contudo, meus rendimentos mensais, atuais, só permitem que eu pague duas prestações no fim de cada mês.
As outras ficam para o mês seguinte.
Estou ciente de que não sou injusto, daquele tipo que prefere pagar esta ou aquela empresa, em detrimento das demais.
Ocorre o seguinte:
Todo mês, quando recebo o meu salário, escrevo o nome de todos os meus credores em pequenos pedaços de papel, que dobro e coloco dentro de uma caixinha.
Depois, olhando para o outro lado, retiro dois papéis, que são os dois “sortudos” do mês, que irão receber o meu rico dinheirinho.
Aos outros paciência. Ficam para o mês seguinte.
Firmo aos senhores, com toda certeza, que sua empresa tem constado todos os meses na minha caixinha.
Se não os paguei ainda, é porque os senhores estão com pouca sorte.
Finalmente, faço-lhes uma advertência:
- Se os senhores continuarem com essa mania de me enviar cartas de cobrança ameaçadoras e insolentes, como a última que recebi, serei obrigado a excluir o nome de Vossa Empresa dos meus sorteios mensais.

Sem mais
Obrigado “
(Autor desconhecido)

Virgilio Dias é Consultor de Empresas, Empresário e
Palestrante.

E: virgilio@3031consult.com.br - W: www.3031consult.com.br

P.S. Foto-Siscred

November 1, 2017
3031 Consult consultoria empresarial Campinas Gestão Treinamento equipe alta performance site

44 - O ATENDIMENTO MORREU? - 01/11/17
Em qualquer roda de negócios, e ou filas de espera o assunto sempre é ATENDIMENTO, e pior o MAU ATENDIMENTO.
Os empresários sabem que sua empresa precisa ter um bom atendimento, e que o BOM ATENDIMENTO é o cartão de visita de sua empresa, mas não conseguem, não sabem como fazer ou até mesmo não preparam os seus funcionários para a função.
Quais são então as principais causas do MAU ATENDIMENTO?
FUNCIONÁRIOS:
Mau ou NÃO treinado para a função;
Desmotivados – não gostam de trabalhar com o público.
Não tem autoridade para resolver os problemas apresentados.
Estão mal informados sobre as normas e procedimentos da empresa é o mesmo que dizer NÃO estão treinados.
Estão com problemas particulares, como consequência, mal humorados. Isto não pode ser desculpa para o MAU atendimento, o cliente não tem nada a ver com os problemas particulares dos funcionários, mas o seu chefe sim deve ser a pessoa que orienta, tenta ajudar ou até mesmo substitua o funcionário temporariamente até que o seu problema particular seja resolvido.
Se existe um ponto em que todos concordam, mas que ninguém põe em prática é o “ATENDIMENTO DE EXCELÊNCIA”.
Quando o cliente entra em contato com a empresa, ele quer mais do que ser ouvido, e ter o seu problema resolvido; ele quer que o atendente se engaje na história que ele tem para contar, no problema que ele precisa resolver, em fim ele quer se sentir acolhido e recebido por uma pessoa que esta realmente entendendo de como resolver o seu problema de fato.
É ai que entra gestor que quer que sua empresa tenha “profissionais qualificados e experientes”; para que isso se concretize esse profissional deve ser instrumentalizado, TREINADO, para transformar o atendimento em uma excelente história da marca para ser contatada para outras pessoas.
Isto só e conseguido com os recursos tecnológicos apropriados, com TREINAMENTO certo, e nível de autonomia ao profissional.
Três pontos são essenciais para serem trabalhadas para a capacitação dos profissionais; CONSCIENTIZAÇÃO – MOTIVAÇÃO e EMPODEIRAMENTO.
CONSCIENTIZAÇÃO – cabe ao profissional entender que o seu trabalho é vital para a empresa. O seu perfil deve ser o de ter, a paciência para ouvir, para entender o problema, empatia e a capacidade de manter um diálogo com o cliente, que é determinante para a resolução do(s) problema(s).
MOTIVAÇÃO - as empresas devem definir claramente as tarefas do profissional e de sua importância dentro da organização, não só no sentido de incentivá-lo, mas também o de mostrar o impacto do seu trabalho em toda a organização. Quando sabemos os motivos pelos quais estamos desempenhando determinada tarefa, certamente nosso desempenho e aplicação serão muito melhores.
EMPODEIRAMENTO – para que o profissional possa tomar decisões que possam mudar totalmente o curso da ação junto ao cliente, envolvendo, se necessário, outras áreas da empresa, o profissional atendente deve ser TREINADO e respeitado pelas outras áreas da empresa. Isto evita que o cliente peça para falar com o supervisor ou responsável, evita o mal estar de que o profissional que está atendendo ao cliente não tem poder de decisão. O cliente deve sentir que está sendo bem atendido e seu problema está sendo encaminhado com competência e profissionalismo.
Isto só beneficiará a empresa que passará ao mercado que seus profissionais são competentes e a empresa é ética.
Afinal caro gestor você é quem decide o que é melhor para sua empresa.

Virgilio Dias é Consultor de Empresas, Empresário e Palestrante.
E: virgilio@3031consult.com.br - W: www.3031consult.com.br

3031 Consult consultoria empresarial região Campinas Gestão reengenharia Treinamento equipe alta performance vendas vendedor gerente loja empresa site

October 23, 2017

FORMAÇÃO DE EQUPES DE ALTA PERFORMACE
Todo o empresário tem uma preocupação constante que é a de como seus funcionários estão atendendo os clientes.
Sabemos que um bom atendimento depende de um bom negócio. Preocupados com este problema lançamos um projeto que chamamos de:
FORMAÇÃO DE EQUPES DE ALTA PERFORMACE
Nosso foco é o desempenho das pessoas, e do negócio, agregando valores, melhorando a imagem junto ao mercado, junto aos clientes, capacitando os funcionários para aprender, para evoluir, para gerar resultados positivos e crescer.
Desenvolvemos profissionais para cada cargo, diminuindo sua dependência dos talentos individuais.
Fazemos a equipe pensar e agir no que interessa para a construção do lucro do negócio.
Criamos indicadores de desempenho e índices referenciais para todos os processos de gestão da equipe.
Implementamos treinamentos com impacto para o negócio, no formato que você empresário conseguirá medir os resultados de cada esforço.
Visite nosso site: www.3031consult.com.br e nos consulte sem compromisso; você vai se surpreender.

Virgilio Dias é Consultor de Empresas, Empresário e Palestrante.
E: virgilio@3031consult.com.br - W: www.3031consult.com.br

« 1 of 4 »

Comments are closed